segunda-feira

Dengue Diary

sexta-feira, 20h
chego em casa sem sentir as pernas. também estou tendo um ataque de perereca master, porque tudo na minha vida dá errado bla-bla-bla.

sexta-feira, 22h
saímos do suplicy - com eduluketi maluketi e pat cacet - e eu mal consigo andar. acho que sou louca, louca-louca-louca.

sábado, 0h
ligo para a ana, meio choramingando, porque o ryan olhou para o meu joelho inchado de elefante e disse "vamos para o hospital agora", então eu obedeci. ela passa em casa e vamos para o alvorada (não o clube, seus tatuianos BODES).

sábado, 2h
entre milhões de bêbados tomando glicose, eu tiro sangue para um exame enquanto a ana faz pegadinha com a minha situação de cagona. ela também quase se mata de rir ao me ver saindo do banheiro com um potinho de xixi na mão. "já vi a bia SEGURAR o xixi, gente!" - ana laura mello, 24.

sábado, 14h
volto ao hospital para pegar os exames, e a dona médica potira me pergunta se eu me incomodo em fazer exames para dengue e leptospirose. claro que não, né. a partir daí, assumo a posição de "dengosa" e começo a espalhar a desgraça. tiro sangue novamente - desta vez o samba é na frente do ryan - e tomo uma bela injeção de lisador, na bunda. perco parte da banda direita (tá, é drama).

sábado, 17h
ensaio o caralho, capoto na casa da ana, durmo por bem umas 2 horas. acordo novinha em folha para o show, mesmo sabendo que não vai ter pinga prá mim. minha bunda ainda dói.

(pausa para o show L'Aura, L'Ivia, La Barca)

domingo, 14h
acordei morta.
avisem os integrantes.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial