quarta-feira

Carnaval 2006
Com comentários de Amoleci Brandão

Depois de uma hora para atravessar Alphaville vestindo preto, num calor de 35o e carro 1.0, a salvação está no prato de tomate com cebola arroz feijão torresminho ovo frito bisteca acebolada do Caipirinha. E cerveja, e pudim de leite, e mãe.

A gente (eu e Jorgerson) cantou no show das Cobras. Foi tipo ridículo, mas ninguém ouviu. Ainda bem.
Aliás, eu nunca falo deles aqui, mas são uma banda que eu acho foda e vou em todos os shows, por mais que não tenha nada de extraordinário em cada um. E pronto, jabá tá feito.

Stella Artois vicia, mano. Ainda mais quando você encontra um franguinho assado, farofa e tomate pra acompanhar. E o vidro de azeitona verde, seeempre.

Ivanoverson está passando temporada fashion na minha humilde e bagunçada residência. Ixiivimaisilindadibiiiia. Na primeira noite já nos mandamos na missão coxinhaecoca e hoje eu espero jantar granola. Granola Rice.

E por falar em Nola Rice, Match Point é um filme para os que têm vida sexual ativa. A mim, só causou mais desespero. Como disse a Paradigminha, devia chamar METE Point.

Comprei The Heart is Deceitful Above All Things e depois me senti mais uma curiosa engrupida no factóide do JT LeRoy. Porque, é claro, eu comprei porque adoro uma historinha trágica white trash americana.

Decidi que a partir de agora eu sou bonita. E ai de quem discordar! O remédio Maniac Pills tem ajudado, já que com ele eu consigo fazer as unhas, enquanto boto máscara no rosto e mergulho os pés na bacia.

A baleice continua aí pra quem quiser ver. Na segunda foram TRÊS empanadas. Eu podia me contentar com uma, mas não, foram três. Ontem teve pipoca, mac donald?s e e expedição com quenguinha. Hoje eu trouxe 3 barrinhas de cereal pro trabalho, ou não me chamo Pilar Batista!

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial