quarta-feira

a única coisa que me impede de ter uma rotina aqui é a saudade. chuif.

gente, não agüento mais ver o seal! chega! ele é tão onipresente que uns dias atrás eu tropecei na rua e ele fez menção de me ajudar. he.

aqui tem umas coisas muito peculiares. tipo um velho vestido de tie-dye, com dreads brancos e barba longo, daqueles que se você começar uma música do grateful dead ele continua, fazendo massagem terapêutica orgânica ayurvédica kumba nos clientes de uma farmácia.

esqueci o que mais eu ia postar.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial