quarta-feira

eu não vou chorar, ah, não vou!

eu acreditei em dormir de mão dada. eu acreditei em "b-aye-be, are you ok-aye?". eu acreditei em fotos rrromânticas postadas em locais públicos. eu achei narcolepsia bonitinho. eu até fui comprar uma blusa nova porque eu acreditei que era eu ou era eu. aí o que eu ouvi foi "don't apologize". i won't.
foi você virar as costas que eu segurei o olho transbordando de lágrima, engoli em seco o carão que eu passei, e tomei um arrocha do cavalheiro dos meus sonhos mais imundos. sem recalque algum, quando vi, já tava embarazada.
viu só, motorista insolente? viu só? feio não tem direito a escolher, não.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial